Dor de Garganta (Faringite)

Dor de gargantaO que é?

Quando a criança ou o adulto apresenta uma dor na garganta ao engolir, normalmente deve se tratar de uma inflamação na faringe. Crianças muito pequenas normalmente param de comer ou choram ao se alimentar quando estão com a garganta inflamada.

O que causa?

A maioria das inflamações da garganta são causadas por vírus, como na gripe ou nos resfriados. Cerca de 10% dos casos porém, são causados por bactérias. O exame clínico com ajuda ou não de exames complementares como o hemograma, a cultura ou o teste rápido ajudam a diferencias estas duas situações. Entre as bactérias causadoras de faringoamigdalites, destaca-se o Streptococcus beta hemolítico. As Infecções faríngeas causadas por este germe devem ser prontamente tratadas, pois podem levar a complicações cardíacas sérias.

A amigdalite é uma inflamação específica das amígdalas, que se localizam na faringe. Nesta situação, as amígdalas se encontram inchadas, vermelhas e doloridas, eventualmente cobertas por uma secreção branca-amarelada.

Pessoas que dormem com a boca aberta podem apresentar dor da garganta pela manha pelo ressecamento da faringe durante a noite. Neste caso, além do tratamento para correção da respiração bucal, pode-se usar alguma forma para umedecer o ambiente.

Infecções nasais como as sinusites, que resultam em drenagem de secreções do nariz para a garganta, também podem causar dor.

Os tumores malignos da faringe também podem trazer dor de garganta, embora sejam bem mais raros.

Quanto tempo dura?

Embora logicamente a duração da dor de garganta dependa da sua causa, na maioria das vezes a faringite é viral e dura de 3-5 dias. Na infecção bacteriana os sintomas regridem rapidamente após o início dos sintomas, em cerca de 24-36hrs, período após o qual o quadro deixa de ser contagioso. O retorno a atividade escolar ou o trabalho está indicado quando não houver mais febre.

Como podemos aliviar o quadro?

  • Alívio da dor e da febre. Deve-se fazer uso de medicação analgésicas na dose apropriada para o peso e a idade, como a dipirona, o paracetamol ou o ibuprofeno, sempre atento à possíveis alergias ou intolerâncias medicamentosas.
  • Dieta. A inflamação torna a garganta inchada e dolorida o que dificulta a ingestão de alimentos sólidos. Prefira a consistência líquida ou pastosa.

Erros comuns no tratamento da dor de garganta:

  • Evite o uso de sprays analgésicos pois além de serem pouco ou nada efetivos, podem causar alergia ou irritação.
  • Nunca faça uso de antibióticos por sua própria conta. A chance de você errar na escolha, dose, tempo de uso ou hora de começar é enorme. Além disto, a maioria das inflamações na garganta são de origem viral o que não requer o uso de antibióticos.

Quando devo procurar um atendimento de emergência?

  • Caso não se possa engolir nem líquidos
  • Caso haja dificuldade de respirar
  • Caso a criança ou o adulto pareçam muito doentes (mal estado geral)